Quarta-feira, 2 de Julho de 2008

Restos de mim...

 

 

 

Restos de mim estão por aí,
Espalhados, estilhaçados nos caminhos onde passei,
De tudo o que fomos, tornei-me um ser calado,
De olhar distante, com o coração parado,
Eu não poderia esperar tanta coisa desse amor,
Mas eu entreguei-me e hoje eu nem sei quem sou,
Agora ando perdido por aí,
Sobrevivendo de lembranças tuas,
Sem ao menos ter para onde ir,
Pois onde eu vou, estou à tua procura,
A solidão segue-me atenta,
A cada passo, ela me atormenta,
Quando eu estou calado,
Quando me pendo a um passado,
Restos de mim levados ao vento,
De tudo o que fomos, de todo o meu sentimento,
Pouca coisa me restou,
Apenas um homem calado,
Um homem perdido num passado,
Um ser entregue às dores de um amor
.

sinto-me: triste...
música: akon - the rain

publicado por miguel_sousa às 18:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Maio de 2008

Senti o mundo...senti-te a ti!

 

 

Acordei longe de mim, afastado do mundo
Perto de ti
Preso a uma teia que não a da minha vida
A batalha que ninguém vitoriou
E levava por vencida
Traído por olhos guerreiros
Desafiando o amor
Como raios de sol reflexos em diamante
Tão cintilante como a minha dor
Apenas o seu sorriso como amante
Não atentava ao meu pudor

Feliz por ser eu a chorar
Não que goste, mas sim por amar
Nunca ver o seu rosto em lágrimas
Para que a vida não seja algo em vão
Vou mergulhar e afogar-me
Nos seus olhos de fervilhante paixão

Beber todos os seus desesperos
Os infinitos oceanos de medos
Ter este espírito seco para reter
O que o amor não pode conter

Senti-me assim mais perto de mim
Senti o mundo, senti-te a ti!
Olhei e uma lágrima deslizava-te pelo coração
Despertei de verdade, angustiado com a razão

sinto-me: em baixo...

publicado por miguel_sousa às 21:23
link do post | comentar | favorito
Domingo, 27 de Abril de 2008

Momentos de silêncio...

 

 

Nos momentos de silêncio
Em que todo o sentimento fala mais alto
E em que tudo o que mais quero é não pensar
A lembrança do teu olhar é inevitável
Procuro apagar, anular-te do meu pensamento
Mas, quanto mais te afasto mais de ti me aproximo
Porque se do consciente desapareces
No consciente despertas
Porque há cheiros que a ti me ligam...
Porque há palavras que a tua boca lembram
E há momentos em que os gestos que esboço trazem a mim gestos teus...
Tu que inspiras a minha fantasia
Tu que na realidade nunca serás
Tu que olhas para mim
Como quem olha por mim...

E são nestes momentos de silêncio...

que todo o sentimento fala mais alto...

e em que sinto mais a tua falta.

sinto-me: Triste...sozinho...

publicado por miguel_sousa às 13:52
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Abril de 2008

Quem sabe...

 

 

POR FAVOR DESLIGUE O COTONETE

 

Um dia acordas triste pois sabes que a vida não te sorri.

Fizeste tudo o que estava ao teu alcance para controlar a dor e a mágoa mas...

A tristeza e a solidão invadem o teu corpo.

Sentes-te sufocado, alucinado... Baralhado e confuso.

Lutaste com todas as tuas forças para seres feliz.

Mas novamente voltaste a cair e não sabes a maneira de te voltar a erguer.

Os sentimentos que te invadem são frios e crueis.

São armas que te destroem o corpo e te chicoteiam a alma.

Nesse dia acordaste assim... Triste e solitário.

Amaldiçoado numa roda de sentimentos.

Fecha os olhos... Para quê lutar?

Amanhã, quem sabe, a tristeza e a solidão vão desaparecer...

Amanhã talvez...

Quem sabe...

sinto-me: triste...

publicado por miguel_sousa às 14:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 38 seguidores

.pesquisar

 

.Junho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Restos de mim...

. Senti o mundo...senti-te ...

. Momentos de silêncio...

. Quem sabe...

.arquivos

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Setembro 2006

. Abril 2006

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Para ti avô

. Acto de Fé...

. 12 Palavras por ti...

. Silêncio e tanta gente...

. Mais uma descrição do Amo...

. O Amor em 4 etapas...

.subscrever feeds